Condenação é de 16 anos de reclusão pelo crime

15 de julho de 2019

Um homem que abusou de uma sobrinha com 13 anos na Comarca de Joaçaba teve confirmada pelo Tribunal de Justiça a condenação de primeira instância. O caso aconteceu no ano de 2017, quando os fatos chegaram ao conhecimento do Conselho Tutelar, Polícia Civil e posteriormente ao Ministério Público que ofereceu a denúncia sobre o caso.

O homem foi condenado a 16 anos e 4 meses de cadeia, pena que deverá ter seu cumprimento imediatamente, de acordo com a decisão dos desembargadores.

Conforme apurado na instrução, o homem teria inventado que sua esposa estava doente para convencer a menor de idade a entrar no veículo. Após isso, levou a jovem até um local ermo para praticar o abuso. O homem foi denunciado e condenado, mas recorreu alegando falta de provas, recurso que não foi reconhecido pelos desembargadores.

Mais Acessadas