Crime aconteceu no dia 15 de julho

14 de agosto de 2019

Na última segunda-feira (12), a Polícia Civil de Curitibanos, cumpriu um mandado de prisão em desfavor de NOB, por meio da Delegacia de Proteção a Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (Dpcami). O homem é acusado de assassinar Vanderléia Inácio dos Santos, de 25 anos, na frente de seus filhos, em Sete Barras, no interior de São Paulo, no dia 15 de julho. O motivo do crime teria sido uma discussão porque o homem não aprovou um pedaço de bolo servido pela mulher.  

A dona de casa foi morta com três tiros, após uma discussão durante uma festa junina. Segundo a polícia, o suspeito, NOB, de 47 anos, sacou o revólver e efetuou os disparos contra a mulher.

O bolo havia sido preparado por Vanderleia e o suspeito começou a fazer críticas sobre o doce e, em seguida, passou a xingá-la e sacou o revólver. Depois disso, ele saiu da festa em direção ao carro, a vítima foi atrás dele e acabou baleada. Segundo testemunhas, NOB acertou um tiro no peito de Vanderleia e quando ela caiu no chão acertou um disparo dentro da boca e outro na testa. A mulher morreu na hora. A vítima deixou quatro filhos, sendo uma menina de 6 anos e três meninos, um de 8 anos, outro de 4 e um bebê de 10 meses. Todos presenciaram a cena do crime. 

Mais Acessadas