Um dos presos dirigia bêbado e chamou outro condutor para levar seu carro para casa, só que o outro também estava embriagado

29 de agosto de 2019

A noite desta quinta-feira, 29, foi agitada para a polícia em Joaçaba e Herval. Duas pessoas foram presas por desacatar policiais militares, um deles ainda dirigia embriagado. O mesmo homem ainda promoveu uma grande confusão na delegacia, dando chutes e socos contra a porta de metal da cela, fazendo muito barulho.

Noite do Barulho para a Polícia! Preso promove baderna na DP

Polícia prende dois homens por desacato e um deles se revolta. Veja todos os detalhes no link: https://www.ederluiz.com.vc/noite-do-barulho-policia-prende-duas-pessoas-por-desacato-e-um-deles-se-revolta

Publicado por Éder Luiz em Quinta-feira, 29 de agosto de 2019

Em Herval d´Oeste uma simples corrida de táxi terminou em ocorrência policial. Tudo por que duas pessoas solicitaram uma corrida da UPA até na praça do município, só que quando chegaram ao destino os passageiros se negaram a pagar pelo serviço.

A Polícia Militar foi acionada para resolver a pendenga, mas um dos homens que contratou a corrida se revoltou e desacatou os PMs, recebendo voz de prisão pelo desacato. Ele foi levado para a delegacia e ocupou uma das celas.

Em Joaçaba um homem fazia manobras perigosas com seu carro pelas ruas da Vila Pedrini. A PM foi acionada e localizou o veículo, realizando a abordagem. O motorista, que apresentava sinais de embriagues, se recusou a fazer o teste do bafômetro e ainda desacatou os policiais, recebendo voz de prisão e sendo levado até a delegacia. Ele indicou um outro condutor para levar seu carro para casa, mas o home não pode ajudar o amigo por que também estava bêbado.

Na delegacia o preso não se deu por satisfeito com o desacato aos policiais, continuou desacatando e fazendo barulho, dando coices e socos contra a porta de metal da cela. O barulho chamou a atenção de quem passava em frente a DP.

Em ambos os casos, o delegado de plantão irá encaminhar os flagrantes e as penalidades que serão aplicadas aos presos.

Mais Acessadas