Os crimes praticados vão desde furto, roubo, estupro, estupro de vulnerável, tortura e outros

15 de setembro de 2019

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Lages, com apoio das equipes de investigações das demais delegacias da cidade, realizou uma operação denominada “Sexta-feira 13” e prendeu 28 pessoas nesta sexta-feira (13), em Lages.

A Operação começou às 8h e se encerrou às 17h30min. Foram realizadas diligências e prisões em todos os bairros do município. Segundo o delegado coordenador da DIC, Sérgio Roberto de Souza, entre os presos há condenados e prisões provisórias. “Os crimes praticados vão desde furto, roubo, estupro, estupro de vulnerável, tortura e outros. Inclusive, entre as pessoas presas há um advogado condenado por tortura”, disse o delegado. Os presos foram encaminhados ao Presídio Regional de Lages, onde permanecerão à disposição da Justiça.

“Levantamos os mandados de prisão em aberto e saímos para cumprir nesta operação. Acreditamos que os índices de criminalidade reduzirão ainda mais em Lages a partir do nosso trabalho com essas prisões”, afirma o delegado.

Mais Acessadas