Polícia afirma que jovem apontou arma para policiais. Na casa onde ele estava, foram apreendidos drogas, munição, dinheiro, um colete balístico, entre outros objetos

25 de setembro de 2019

Um jovem de 20 anos foi morto em confronto com a Polícia Militar em Navegantes, no Litoral Norte. Ele estava sendo monitorado em um possível ponto de venda de drogas. A PM afirma que o suspeito apontou a arma para os policiais, que revidaram.

O caso ocorreu por volta das 19h de terça-feira (24) no Centro da cidade. A PM monitorava um ponto de venda drogas. O suspeito era conhecido dos policiais.

Após a constatação de que ocorria a venda de drogas no local, foi pedido o apoio de mais policiais, que entraram na casa vigiada. Dois rapazes e uma mulher foram abordados na cozinha da residência. Eles obedeceram a ordem policial e nada foi encontrado com eles. Os PMs prosseguiram.

No quarto, encontraram o suspeito. Segundo a PM, ele estava armado com uma espingarda. O jovem teria desobedecido as ordens policiais e não teria se rendido, disse a polícia. Após apontar a arma, os PMs atiraram.

O Corpo de Bombeiros foi chamado e constatou que o jovem morreu no local. A PM afirma que ele tinha antecedentes criminais por estupro de vulnerável e tráfico de drogas. Era também suspeito de roubos na região e de pertencer a uma facção criminosa, informou a polícia.

Dentro do imóvel, foram apreendidos cinco comprimidos de ecstasy, duas balanças de precisão, duas toucas ninja, três celulares, um colete balístico, R$ 1.060 em dinheiro, 15 balas de arma de fogo e objetos usados para embalar drogas.

O Instituto Médico Legal (IML) informou que o jovem era natural de Itajaí.

Mais Acessadas