Ele foi baleado em uma farmácia

13 de outubro de 2019

O sargento da reserva da Polícia Militar de Santa Catarina, Orlando Moreira,de 59 anos, morreu na sexta-feira (11). O policial aposentado foi atingido por disparos de arma de fogo, na última segunda-feira (7), em uma farmácia de Camboriú (SC).

O sargento foi atingido por cinco tiros e estava internado no Hospital Ruth Cardoso. A morte foi confirmada na noite de sexta-feira. Em uma publicação no Facebook a Polícia Militar lamentou a morte do policial.

Mesmo já na reserva, aposentado, sem participar de operações policiais há tempo, tombou como herói pois foi atacado simplesmente por fazer parte da corporação. Sem chance de defesa, teve a vida retirada por causa de um juramento que fez há muitos anos, quando entrou na Polícia Militar, de cumprir seus deveres mesmo com o risco da própria vida“, diz a publicação.

Crime

Dois homens armados chegaram na farmácia e dispararam contra o policial aposentado. Cinco disparos atingiram ele: região da mão, dorso, joelho, mandíbula e abdome (considerado o ferimento mais grave, na ocasião). O policial foi socorrido e levado ao hospital, onde estava internado.

Um dos suspeitos do crime, um rapaz de 18 anos, morreu – no dia seguinte – em um confronto com a PM, em Itajaí.

Faleceu o sargento Moreira, da reserva da Polícia Militar de Santa Catarina, vítima de disparos de arma de fogo…

Publicado por POLÍCIA MILITAR DE SANTA CATARINA em Sábado, 12 de outubro de 2019


Mais Acessadas