A Polícia Militar chegou a ser acionada na ocasião para conter os ânimos

13 de novembro de 2019

Uma mulher procurou a Delegacia de Polícia de Joaçaba nesta semana para registar um B.O (Boletim de Ocorrência) sobre uma agresão que sofreu no final da tarde da última sexta-feira (8) no estacionamento da antiga rodoviária.

Ela relata que estacionou o veículo para apanhar os filhos no colégio, e ao retornar não conseguiu sair, pois havia outro carro estacionado atrás. Após esperar por cerca de 15 minutos, a proprietária do outro carro chegou, quando pediu que retirasse o automóvel.
“Quando embarquei, ela simplesmente veio na janela e me desferiu um tapa”, contou a mulher, que disse ainda que ao descer do carro foi empurrada e caiu sobre as britas, causando escoriações pelo corpo.

A Polícia Militar chegou a ser acionada na ocasião para conter os ânimos. “Foi uma violência gratuita e desnecessária. Eu apenas pedi para que ela retirasse o carro”, lamentou a vítima, que pretende representar contra a autora.

Mais Acessadas