Na primeira etapa a cobrança efetiva será das vagas de estacionamento, que contemplam as Ruas XV de novembro, Saul Brandalise e Dom Pedro ll

13 de dezembro de 2019

O processo de implantação do serviço de Estacionamento Rotativo em Videira está em sua fase final. A partir da próxima segunda-feira (16), entra em funcionamento a primeira etapa com a cobrança efetiva das vagas de estacionamento, que contempla as Ruas XV de novembro, Saul Brandalise e Dom Pedro ll.

São 216 vagas para carros, 149 vagas para motos, 10 vagas para idosos, 4 vagas para portadores de necessidades especiais, 4 vagas de carga e descarga e 10 vagas de curta duração que ficam em frente a farmácias, sendo gratuitas por até 15 minutos.

A Escola Especial Tia Ana – Apae será responsável por gerir o serviço. O horário de funcionamento será de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h e sábado das 8h30 às 12h. Os funcionários que irão executar o serviço já foram contratados e estão passando por treinamento. Em relação à sinalização das ruas, o trabalho deverá ser concluído ao longo desta semana.

Para carros, o valor praticado será de R$ 1,90 por hora. Pelo mesmo tempo, o valor para motos é de R$ 0,50 e para carga e descarga é de R$ 3,80. Portadores de necessidades especiais possuem isenção nas suas respectivas vagas, desde que apresentem credencial, com limite de até duas horas de permanência. Idosos possuem isenção até a primeira hora de utilização da vaga, também mediante apresentação de credencial e com limite de estacionamento por vaga de duas horas.

O usuário do estacionamento rotativo poderá deixar o veículo regular através da aquisição dos tickets que serão comercializados pelo aplicativo Estacionamento Digital, onde é feito o cadastro para aquisição de créditos e ativação de tempo. A aquisição também pode ser feita por débito automático ou ticket avulso. Basta procurar algum monitor ou ponto de venda distribuído ao longo das vias. Os veículos constatados como irregulares em relação ao Estacionamento Rotativo serão notificados e a regularização poderá ser feita na sede da empresa ou com os monitores nas ruas da cidade.

Mais Acessadas