Suspeita foi indiciada por roubo circunstanciado pelo uso de arma de fogo e porte ilegal de arma de fogo

22 de dezembro de 2019

Uma mulher de 34 anos foi presa acusada de assaltar a própria patroa com uma pistola de calibre 380. A prisão ocorreu neste sábado, dia 21, horas depois do crime, cometido na noite de sexta-feira, dia 20, na Linha Sarapião em Chapecó.

Segundo a Polícia Civil, a acusada é funcionária de um pet shop e teria levado a chefe até um local afastado para cometer o crime. Ela apontou a arma de fogo contra a cabeça da vítima, prometendo ir atrás dos filhos dela se a polícia fosse acionada.

Segundo a vítima, algo mais grave só não aconteceu porque um carro passou pelo local e fez com que a assaltante fugisse, levando celular, óculos de grau e dinheiro da vítima.

A mulher foi à Central de Plantão Policial (CPP) e denunciou o caso. A Polícia Civil realizou uma série de diligências e prendeu a suspeita na própria casa, além da arma municiada.

Ela foi indiciada por roubo circunstanciado pelo uso de arma de fogo e porte ilegal de arma de fogo, seguindo para o Presídio Feminino de Chapecó.

Mais Acessadas