Homem foi preso duas vezes em um período de 4h. Fato ocorreu na madrugada deste sábado, em Xanxerê Foto: PRF/Divulgação

2 de fevereiro de 2020

Uma situação bizarra marcou o primeiro dia de fevereiro nas rodovias federais de Santa Catarina. É que depois de pagar fiança e ser liberado de uma prisão em flagrante por dirigir embriagado na BR 282, em Xanxerê, no Oeste catarinense, o motorista resolveu retornar ao posto da PRF, dirigindo outro veículo, para tirar satisfação com os policiais. Ainda sob efeito de álcool, ele foi preso pela segunda vez. Tudo isso ocorreu durante a madrugada deste sábado (1º).

A ocorrência iniciou por volta da 1h, segundo a PRF, quando uma série de denúncias chegou à polícia. Todas as ligações informavam sobre um motorista embriagado que condizia uma SUV utilitário branca na BR 282, entre Chapecó e Xanxerê, de forma perigosa e em velocidade excessiva.

Com a informação, os policiais montaram uma barreira em frente a Unidade Operacional da PRF de Xanxerê e quando o condutor se aproximou, ordenaram que parasse. O motorista quase atropelou os policiais, antes de conseguir estacionar. Em seguida, desceu do veículo em visível estado de embriaguez e fez o teste de alcoolemia, que apontou 0,66 mg de álcool por litro de ar.

Com o resultado, o homem de 60 anos foi preso em flagrante e conduzido até a Delegacia de Polícia Civil de Xanxerê. Após todos os trâmites legais, pagou a fiança no valor de um salário mínimo, estipulada pelo delegado, e foi liberado.

Não contente, buscou outro veículo de sua propriedade e retornou ao posto policial para questionar os agentes sobre a sua prisão e os procedimentos adotados. Os policiais notaram que o motorista ainda apresentava sinais de embriaguez e realizaram um novo teste de alcoolemia, que acusou 0,48 mg de álcool por litro de ar. Ele foi preso e multado mais uma vez.

Mais Acessadas