Este é o terceiro crime de extrema violência registrado nos últimos dias em Videira

6 de maio de 2020

A Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Videira, coordenada pelo Delegado Valdir Xavier, e com o apoio da Polícia Militar e da Delegacia da Comarca, trabalhou arduamente na madrugada desta terça-feira, 5 de maio, para esclarecer uma tentativa de homicídio ocorrida no bairro Cibrazém, em Videira, ocorrido por volta das 2h da madrugada. Um indivíduo foi encontrado em via pública com ferimentos de arma branca no pescoço e sangrando muito. Foi socorrido ao hospital Divino Salvador pelo Corpo de Bombeiros e foi submetido a cirurgia, permanecendo na UTI, em coma. As informações trazidas por pessoas da comunidade foram analisadas e os investigadores chegaram aos possíveis autores: dois homens que estariam juntos com a vítima bebendo e jogando sinuca em um bar. Conduzidos à Delegacia ambos admitiram que se envolveram na briga que causou as lesões à vítima mas ninguém indicou quem seria o autor do golpe na garganta da vítima que acertou sua cervical. As investigações continuam, visando identificar e ouvir eventuais testemunhas do ocorrido. Este é o terceiro crime de extrema violência registrado nos últimos dias em Videira, mas todos foram esclarecidos e os autores respondem aos processos presos.

À noite, por volta das 20h, a Polícia Militar de Monte Carlo requisitou o apoio da DIC de Videira, que estava em diligência na cidade naquele momento, para atender uma situação de violência doméstica. Ao chegar ao local os policiais sentiram um forte cheiro de maconha, o que levou a uma busca por drogas. Na residência foram encontradas uma grande quantidade de maconha e cocaína, a maioria já embalada para venda, além de uma arma de fogo, munições, facas e uma quantia considerável em dinheiro. Os moradores da casa, um jovem e uma adolescente, foram encaminhados para a Central Regional de Plantão Policial (CRPP) em Videira. O homem foi preso em flagrante, autuado por tráfico de drogas e violência doméstica e aguarda a audiência de custódia.

Mais Acessadas

Carregando...