Na tarde de hoje (31), um homem e uma mulher foram presos preventivamente em Arroio Trinta. Eles são acusados de uma série de furtos cometidos nas cidades de Salto Veloso, Arroio Trinta e Treze Tílias. Segundo o Delegado Eduardo Defaveri, as investigações se iniciaram há dois meses por meio da
Leia mais…

31 de julho de 2020

Na tarde de hoje (31), um homem e uma mulher foram presos preventivamente em Arroio Trinta. Eles são acusados de uma série de furtos cometidos nas cidades de Salto Veloso, Arroio Trinta e Treze Tílias.

Segundo o Delegado Eduardo Defaveri, as investigações se iniciaram há dois meses por meio da Delegacia de Polícia Civil do Município de Salto Veloso juntamente com a Polícia Militar da mesma cidade, após coletar informações acerca do modus operandi do casal, aliado a confirmação da identificação de autores por meio de prova técnica.

Diante disso, foi possível comprovar pelo menos cinco furtos à residência na cidade de Salto Veloso. Há pelo menos outros cinco casos, aguardando maiores indícios possivelmente relacionando a esses indivíduos.

Os suspeitos também são investigados por crimes patrimoniais na cidade de Arroio Trinta e Treze Tílias, localizadas no meio-oeste catarinense.

De posse dessas informações, a Delegacia de Salto Veloso indiciou e representou pela prisão preventiva dos autores, tendo em vista a reiteração criminosa dos autores. O Poder Judiciário deferiu a medida e os investigados foram presos pela PM, num esconderijo em Arroio Trinta.

Os indivíduos causavam medo na sociedade, por invadir residência e subtrair bens. Em mais de uma situação, incendiaram casas da vítima para apagar os possíveis vestígios.

A Polícia Civil reforça a necessidade de colaboração da sociedade com informações para possível responsabilização dos supostos autores dos crimes.

Mais Acessadas