Pelo menos 50 residências foram atingidas. Sistema antigranizo não está 100%

28 de setembro de 2020

A Defesa Civil de Caçador forneceu lona para 50 famílias logo após o temporal no fim da tarde deste domingo, 27. Com o vento forte e chuva de granizo, algumas casas ficaram destelhadas.

Segundo o coordenador de Defesa Civil, Sérgio Bisotto, o número de problemas deve aumentar quando outras pessoas procurarem ajuda na noite de domingo ou na segunda-feira. “A lona é para cobrir os móveis e evitar que eles molhem. A lona preta não é indicada para colocar no telhado”, orienta.

Os bairros mais atingidos foram Martello, Ulisses Guimarães, Bom Sucesso 2, Usina do Tedesco, bairro dos Municípios e localidades do interior entre Caçador e o distrito de Taquara Verde.

Além de casas destelhadas, houve queda de árvores e falta de energia elétrica em alguns pontos.

O sistema antigranizo, que já protegeu Caçador em várias ocasiões, não está funcionando 100%. Segundo a Defesa Civil, os 24 geradores mantidos pela Prefeitura estão ligados, mas os do Governo do Estado não.

“É uma pena, um descaso com nosso município. Todo ano tem que esperar alguma coisa acontecer pro Governo do Estado se mexer. O granizo traz danos e prejuízos severos para a agricultura da região”, lamentou Bisotto.

Mais Acessadas

Carregando...