Em razão das agressões, a menina sofreu fratura no fêmur, ficando impossibilitada de se locomover

7 de outubro de 2020

A mãe de uma criança de apenas três anos de idade foi presa em flagrante na tarde desta terça-feira (6) acusada de agredir e provocar fraturas na filha no município de Chapecó. Um mandado de prisão foi expedido contra a mulher e cumprido pela Polícia Civil.

Conforme as autoridades, a mulher teria agredido intensamente a filha no interior da residência da família, motivada pelo descontentamento com o fato de a criança apresentar dificuldades para acionar o mecanismo de descarga de um vaso sanitário.

Em razão das agressões, a menina sofreu fratura no fêmur, ficando impossibilitada de se locomover. Ainda assim, a mãe teria se omitido de levar a criança para atendimento médico, mantendo-a em casa por aproximadamente sete dias para ocultar o crime.

A criança somente recebeu socorro quando a situação foi percebia por uma vizinha, que interveio em favor da menina. Ela recebeu atendimento médico e a Polícia Civil foi acionada, instaurou inquérito, levantou provas e pediu a prisão da mãe.

A suspeita negou o crime ao ser interrogada pelas autoridades, afirmando que a filha caiu de uma escada. A presa foi encaminhada para a Penitenciária de Chapecó, onde ficará à disposição da Justiça.

Mais Acessadas

Carregando...