Nestes 18 dias, a unidade agendou cerca de 200 audiências para para buscar soluções consensuais em casos de guarda, alimentos, regulamentação de visitas e divórcio, entre outros que tratam das relações familiares

9 de novembro de 2020

A 1ª Vara Cível da comarca de Videira, no Meio-Oeste, iniciou na manhã desta segunda-feira (9/11) um mutirão online de mediações familiares que deve se estender até o próximo dia 2 de dezembro. Nestes 18 dias, a unidade agendou cerca de 200 audiências para para buscar soluções consensuais em casos de guarda, alimentos, regulamentação de visitas e divórcio, entre outros que tratam das relações familiares.

Segundo o juiz Rafael Resende Britto, diante da paralisação dos atos presenciais durante a pandemia, as audiências de mediação familiar, primeiro ato processual nos litígios de família, também foram suspensas. Para possibilitar a continuidade da tramitação destas ações, os servidores Cássia Lissani de Deus, Hiasmim Olinquevicz Müller e Raphael Victor Vieira farão as mediações, nos períodos da manhã e tarde, por meio de videoconferência.

O cartório da unidade agendou as audiências e enviou um link do sistema Conecta-PJSC por e-mail e WhatsApp aos envolvidos nos processos. Eles poderão participar dos atos sem precisar se deslocar até o fórum. Essa é uma das medidas adotadas pelo Judiciário catarinense para evitar a propagação do coronavírus.

BLUMENAU BOLSONARO BR-282 BR-470 brasil CAMPOS NOVOS CAPINZAL CATANDUVAS CAÇADOR CHAPECÓ CONCURSO CONCÓRDIA coronavírus Coronavírus em SC Covid-19 CURITIBANOS ECONOMIA ELEIÇÕES 2020 EMPREGO FLORIANÓPOLIS FRAIBURGO FRIO FUTEBOL HERVAL D’OESTE IRANI JOAÇABA LAGES LEBON RÉGIS LOTERIA MACONHA MONTE CARLO OESTE PIRATUBA PONTE SERRADA PREVISÃO DO TEMPO RIO DAS ANTAS SANTA CATARINA SANTA CECÍLIA SC-135 TANGARÁ TREZE TÍLIAS UNIARP VIDEIRA VÍDEO ÁGUA DOCE

Mais Acessadas

Carregando...