GERAL

Na noite desta quarta feira,18, após a família do autor identificado pelos disparos no radialista André Alves da Rádio Caçanjurê e sua sua namorada procurou a Polícia Civil, houve a apresentação dele na companhia de seu advogado na sede da DIC/Caçador. Em conversações, o autor indicou onde a arma estava
Leia mais…

18 de novembro de 2020

Na noite desta quarta feira,18, após a família do autor identificado pelos disparos no radialista André Alves da Rádio Caçanjurê e sua sua namorada procurou a Polícia Civil, houve a apresentação dele na companhia de seu advogado na sede da DIC/Caçador.

Em conversações, o autor indicou onde a arma estava escondida, a qual foi recuperada juntamente com algumas munições, entre deflagradas e intactas. Em seu interrogatório o autor se valeu do direito constitucional de ficar em silêncio, optando por se manifestar apenas em juízo.

Devido ao encerramento das buscas no dia de ontem, 17, não coube a prisão em flagrante, motivo pelo qual o suspeito foi liberado.

As investigações prosseguem e eventuais testemunhas serão ouvidas para a completa elucidação do caso, assim como aguarda-se a conclusão dos trabalhos periciais.

Mais Acessadas

Carregando...