Recursos são do Fundo Nacional de Aviação Civil e local deve atender a região

29 de dezembro de 2020

A Prefeitura de Caçador vai receber R$ R$ 13.383.626,65 através de convênio com a Secretaria Nacional de Aviação Civil (SAC), órgão integrante do Ministério da Infraestrutura, para obras no aeroporto Regional de Dr. Carlos Alberto da Costa Neves. 

Os recursos são oriundos do Fundo Nacional de Aviação Civil e fazem parte de um investimento de infraestrutura no montante de R$ 42 milhões de reais, para ampliações e melhorias no aeroporto, através do Projeto de Ampliação de infraestrutura da SAC.

Com estes primeiros os investimentos, serão realizadas as  obras para estruturação da faixa de pista e faixa preparada, sendo feito o processo de drenagem que garante a segurança nas operações aeroportuárias.

“Estas obras fazem parte do processo de homologação do aeroporto na categoria C3, que significa operações de aeronaves até a categoria de um Boing 737 ou A319”, destaca o secretário de Governo, Roberto Marton.

A Prefeitura de Caçador, juntamente com as autoridades Estaduais, Instituto do Meio Ambiente e com a Diretoria de Transportes da Secretaria de Infraestrutura do Estado já conseguiu aprovar a Licença Prévia Ambiental e já está em processo a Licença de Instalação Ambiental, instrumentos fundamentais para início das obras.

“Outro fato a ser lembrado são os processos de desapropriação em curso pela Prefeitura de Caçador, dentro do planejamento estratégico adotado pela Administração pública, prevendo o desenvolvimento econômico regional. Por isso, foi necessário prever a ampliação do sítio aeroportuário, necessário para atender as necessidades técnicas apresentadas pelo projeto elaborado pela Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária)”, explicou Marton.

A segunda fase das obras do aeroporto Regional será a construção do Terminal de Passageiros e do Pátio de manobras, para essa fase da obras os investimentos do Governo Federal estão orçados em R$ 29 milhões.

“O projeto inicial para o Terminal de Passageiros está sendo é para uma área útil de 6 mil metros e terá a características de um Aeroshopping, proporcionando a abertura de novas vagas de trabalho e criando novos espaços comerciais para atender Caçador e toda Região”, revelou o secretário.

A terceira fase das obras tem o objetivo de ampliação da pista de pouso e decolagem de 1800 metros para 2300 metros está fase tem o objetivo de transformar o Aeroporto Regional de Caçador em um aeroporto de cargas para integrar a malha aeroviarea do Estado de Santa Catarina.

Essa estrutura permitirá a abertura de empresas em Caçador e em toda região, consequentemente aumentando o mercado de trabalho e a arrecadação de ICMS que será revertido em benefícios para população”, completou o prefeito Saulo Sperotto.

“Devemos considerar que todos os investimentos em infraestrutura são fundamentais para o desenvolvimento Regional, o Aeroporto e um instrumento de desenvolvimento social e econômico”, finalizou o prefeito Saulo.

Mais Acessadas

Carregando...