Entre as deliberações está o toque de recolher das 23h às 6h e restrição de capacidade e horário de funcionamento de estabelecimentos

25 de fevereiro de 2021

A Associação dos Municípios do Alto Vale do Rio do Peixe (Amarp) realizou nesta quinta-feira, 25, reunião virtual para debater as novas restrições frente ao combate a Covid-19.

Os prefeitos estão preocupados com o atual momento da pandemia em cada um dos seus municípios, bem como em toda a região e em Santa Catarina. Algumas deliberações foram tomadas e novas restrições começam a valer já a partir da meia noite desta sexta-feira, 26.

Nos municípios associados da Amarp no horário das 23h às 6h está estabelecido o toque de recolher, sendo que apenas pessoas em trânsito para fins profissionais e de saúde poderão circular nos horários.

As novas deliberações têm vigência de 15 dias e podem ser prorrogadas conforme a situação de saúde dos municípios e da região.

Confira as deliberações

– Bares, restaurantes e lanchonetes, food-Truck, lojas de conveniências, pizzarias, casas de chá, casas de suco, confeitarias terá limitação de 25% da capacidade do local, com atendimento de segunda a sexta-feira até às 20h. Aos sábados o horário será até às 14h. Domingos e feriados não haverá expediente;

– Proibição de música ao vivo nos bares, restaurantes e similares. Som mecânico também está proibido;

– Entregas de delivery poderão funcionar até as 22h de segunda a domingo;

– Supermercados, lojas de departamentos, mercados, padarias, açougues e afins, terão o funcionamento de segunda a domingo até às 22h;

– Supermercados de grande porte e lojas de departamentos deve haver aferição de temperatura. Deverá haver o controle do número de pessoas nos estabelecimentos, não ultrapassando o limite de 50%;

– Funcionamento do comércio será de segunda a sábado até às 22h. Aos domingos e feriados fechado. A prova de roupas em vestiários está liberada;

– Reuniões familiares em residências, sítios, e áreas comuns de condomínios em que se constate a presença de pessoas não pertencentes ao núcleo familiar residente no local estão suspensas;

– Eventos sociais como casamentos, batizados, jantares, formaturas, dentre outros estão suspensos até o final da vigência da deliberação ou enquanto estiver no nível gravíssimo;

– Casas noturnas, casas de espetáculo, cinemas, museus e teatros está proibido até o final da vigência da deliberação;

– Proibida a realização de feiras, seminários, palestras, congressos, exposições e inaugurações;

– Transporte coletivo urbano municipal, intermunicipal e interestadual, terá o limite de ocupação de 50%, de passageiros sentados, com os devidos regramentos sanitários;

– Transporte intermunicipal, interestadual e de turismo e excursões está proibido;

– As linhas de ônibus intermunicipal e interestadual estão proibidas de trafegarem a partir do dia 1º de março;

– Liberado o funcionamento de academias e centros de treinamento apenas para atendimento individualizado, sendo proibido qualquer atividade coletiva pelo período de 15 dias. Horário de funcionamento não poderá ultrapassar às 20h, com limite de capacidade de 25% do local;

– Piscinas de uso coletivo, clubes sociais e esportivos, quadras esportivas, academias ao ar livre estão proibidas de funcionar até a vigência dessa deliberação;

– Não poderá haver aglomerações de pessoas em parques, praças e demais locais públicos, ficando proibido o consumo de bebidas alcoólicas;

– Salões de beleza deverão trabalhar apenas com agendamento, realizando atendimento de forma individual, seguindo o regramento sanitário de cada município. É expressamente proibido o consumo de alimentos e chimarrão nesses locais;

– Mantém suspenso o funcionamento e/ou realizações de atividades esportivas de caráter recreativo, eventos e competições esportivas de caráter amador, treinamentos de escolinhas de qualquer modalidade;

– Suspensão das atividades vinculadas a FESPORTE e Federações e fechamento de todas as quadras em clubes, academias, sedes e afins de qualquer modalidade esportiva;

– Cultos e missas estão liberados com um percentual máximo de lotação de 25%, em todos os níveis de risco. Os horários não podem ultrapassar às 20h. Animação por meio de bandas e corais está restringida.

Mais Acessadas

Carregando...