Militar sofreu ferimentos graves e não resistiu, vindo a óbito na noite deste sábado

7 de março de 2021

O soldado da Força Tática da Brigada Militar, Jlhonatan Caverzan Grendene Maximovitz, de 28 anos, foi atropelado por um carro conduzido por criminosos em fuga, na tarde deste sábado (6) no município de Erechim (RS). 

Militar acabou morrendo no hospital (Foto: Divulgação)

Conforme o portal AU Online, o homem não resistiu aos ferimentos e morreu no início da noite. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital de Caridade.

Maximovitz foi atropelado por um Monza, com placas de Itá, tripulado por dois homens que efetuaram arremesso de ilícitos no presídio de Erechim. Após serem flagrados, eles empreenderam fuga e, próximo ao viaduto da BR-153, ao avistar a guarnição da Força Tatica, o motorista teria jogado o veículo na direção do policial. O Monza atingiu ainda um Fiat Tipo que passava pelo local.

A Polícia Militar informou que os dois autores já foram presos.

Mais Acessadas

Carregando...