Taxa de ocupação de leito de UTI SUS é de 95,11%, sem vagas no Vale do Itajaí.

4 de abril de 2021

Santa Catarina passa de 11,2 mil mortes por Covid-19, segundo o boletim deste domingo (4) divulgado pelo governo do estado. Desde o início da pandemia, 816 mil pessoas se infectaram com o novo coronavírus no território catarinense.

Em relação aos hospitais, 247 pacientes aguardam por um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid. Outros 90 esperam por um leito de enfermaria.

A taxa de ocupação de leitos de UTI da rede pública é de 95,11%. Não há vagas no Vale do Itajaí. Se forem levados em conta apenas os leitos de UTI adulto Covid, a ocupação no estado é de 98,42%, com 16 vagas.

Dos 1.740 leitos de UTI SUS para Santa Catarina, 1.655 estão ocupados, sendo 1.035 por pacientes com suspeita ou confirmação de Covid-19. No site do governo do estado, é possível verificar a ocupação desses leitos em cada hospital.

Confira os principais dados do boletim:

  • 816.540 casos confirmados. No sábado (3), eram 815.113;
  • foram acrescentados ao boletim 1.427 novos casos em 24 horas;
  • 11.243 mortes. No sábado, eram 11.189;
  • 783.002 pacientes recuperados;
  • 22.295 pacientes em tratamento;
  • todos os 295 municípios de Santa Catarina têm pelo menos um caso de Covid-19;
  • 291 cidades registram pelo menos uma morte pela doença.

Fila de espera por leitos

Veja abaixo, por região, quantos pacientes em Santa Catarina esperam por um leito de UTI-Covid:

  • Grande Oeste (região de Chapecó) – 5
  • Meio-Oeste (região de Joaçaba) – 38
  • Serra (região de Lages) – 4
  • Norte (região de Joinville) – 106
  • Vale do Itajaí (região de Blumenau) – 7
  • Foz do Rio Itajaí (região de Itajaí) – 39
  • Sul (região de Criciúma) – 31
  • Grande Florianópolis – 17

O total é de 247 pessoas. No sábado, eram 255.

Depois de cinco semanas com todas as cidades do Estado em risco gravíssimo para o coronavírus, Santa Catarina tem uma região em nível grave: Xanxerê, no Oeste. A mudança foi divulgada na manhã deste sábado (5) pela Secretaria de Estada da Saúde (SES). As outras 15 regiões permanecem em vermelho, o que representa o pior nível de atenção na pandemia.

Decreto

O decreto em vigor com medidas sanitárias contra a Covid-19 foi prorrogado até 12 de abril. Praias, parques e praças só podem ser usados para exercício físico individual. Comércio e outros serviços têm horários escalonados para evitar aglomerações. Desde de 23 de março, quem não usa máscara também pode ser multado no valor de R$ 500.

Mais Acessadas

Carregando...